Selecione os melhores imóveis da região:

O surpreendente Butantã

imoveis-butantaAgradável e cheio de opções. Essas são duas das muitas qualidades que moradores e frequentadores do Butantã sempre destacam no bairro. Mesmo sendo uma região altamente progressista, ainda reserva, em alguns cantos, aquele ar da São Paulo da primeira e começo da segunda metade do século 20. Aliás, é exatamente isso o que mais atrai no bairro.

Não faltam opções de cultura e lazer, bem como um desenvolvido cenário de comércio e indústria. Por ser vizinho de bairros importantes da cidade, concentra grande número de instrumentos nessas áreas, principalmente para atender quem mora ou trabalha na região.

Dois marcos da ciência e da educação são o grande chamariz do bairro: o Instituto Butantan (é essa a grafia para o centro e com o til para o bairro) e a Cidade Universitária, da Universidade de São Paulo. Esses locais fazem da região uma das mais desenvolvidas com relação às demais. Porém, tem o reconhecimento mundial, o que enche de orgulho não só quem mora lá, mas todos os paulistanos e brasileiros de todos os cantos. 

Se o assunto é opções de lazer, o Butantã, em razão desses seus dois "moradores", é sede de diversos museus. O bairro abriga os museus do Crime, de Arte Contemporânea (MAC), Biológico, Histórico, de Microbiologia, o próprio Instituto, entre outros. Quem procura qualidade de vida, tem de sobra. A Cidade Universitária está entre as áreas com mais verde na cidade e é um ponto de lazer e saúde, pois muitos moradores usam o local para passear com a família. Sem contar que a USP é sede de importantes eventos esportivos e culturais abertos a todos. Também está do lado de parques como o Raposo Tavares e da Previdência e praças, como Wilson Moreira da Costa, Elis Regina e Noriwuki Yamamoto com muito verde e instrumentos de lazer. Também não está longe do Villa Lobos.

O comércio local é forte e atende não só aos moradores do bairro, mas de seus vizinhos. Além do Shopping Butantã, a região conta com o Raposo Shopping e um dos mais antigos da cidade, o Continental Shopping, inaugurado em 1975. Bem servido de transporte, o bairro é passagem e destino de outros mais distantes, com várias linhas de ônibus passando por suas vias. Além disso, conta com uma estação da Linha 4 Amarela do Metrô (Butantã). A vida noturna é forte com muitas e interessantes opções de bares e restaurantes (não há morador que não conheça um endereço muito "descolado").

Em seus 12,5 quilômetros quadrados, o bairro tem excelente heterogeneidade socioeconômica. Não há uma classe social predominante, pois o bairro possui áreas mais nobres, bem como espaços mais simples e até favelas. Mas isso não afasta empreendimentos na região. Há, por exemplo, um distrito, o City Butantã, que tem predominância de moradores e imóveis de padrão mais alto. 

O fácil acesso à Marginal do Rio Pinheiros e a estradas, como a Raposo Tavares, Régis Bitencourt, entre outras, faz do bairro um importante centro. De acordo com o último Censo do IBGE, de 2010, o Butantã conta com uma população de mais de 54 mil pessoas. Como outros bairros da cidade, foi loteado pela Companhia City Melhoramentos (responsável, por exemplo, pelos Jardim América, Pacaembu, Alto de Pinheiros, Alto da Lapa, entre outros).

De acordo com o banco de dados do Portal ZO Imóvel, o bairro é que mais tem ofertas para venda em toda a zona oeste, tanto casas como apartamentos. As casas à venda no Butantã são basicamente sobrados de dois ou três dormitórios. Já para apartamentos no Butantã, o destaque são as unidades de três quartos, tanto para venda, como para locação. Outra curiosidade: o bairro é um dos que mais concentra "vilas" na cidade, aquelas ruas sem saída que permitem acesso somente a moradores e convidados autorizados.  

Também tem forte presença corporativa, com muitos prédios comerciais, principalmente para locação. Há prédios mais antigos, pois o bairro sempre foi um polo importante, e de mais modernos, o que gera um leque interessante de opções.

Mais que interessante, o Butantã é importante opção para quem quer morar, trabalhar ou mesmo passear. Aliás, quem conhece bem o Butantã tem a sensação de que é lá que deveria morar.

Elaborado por: Marco Barone (barone.noticias@spimovel.com.br)



NOTÍCIAS DO MERCADO E DICAS DE DECORAÇÃO
Teste